ALINHE SEUS CILINDROS SIDEMOUNT

ALINHE SEUS CILINDROS SIDEMOUNT E SAIA BEM NA FOTO!

Basta dar uma olhada no Face ou no Insta, e constatamos que tem muita gente mergulhando MUITO MAL de sidemount, e, sim, valorizemos, muita gente mergulhando MUITO BEM de sidemount.

Um dos melhores sinais visuais de que tudo está indo bem é quando vemos aquela foto onde os CILINDROS ESTÃO MUITO BEM ALINHADOS COM O CORPO DO MERGULHADOR.
CORPO E CILINDROS NO "MESMO" TRIM.


POR QUE ISTO É REALMENTE IMPORTANTE ?

Algumas pessoas parecem realmente não se importar com isso. Mas deviam realmente dar mais atenção a este fato.

Primeiro porque com os cilindros bem alinhados ao corpo melhoram substancialmente sua hidrodinâmica, o que é uma das vantagens da configuração sidemount. Mas você perde toda esta vantagem se não pensar e agir para que eles estejam alinhados.

Hidrodinâmica adequada significa menos esforço para cortar a água, menos resistência da água, e por consequência, menos cansaço e consumo de gás.

A outra razão tem a ver com um ajuste fino do trim, evitando cilindros mais baixos ou mais altos, especialmente em mergulhos com teto e aproximação do fundo. Isso em um naufrágio ou numa caverna evita levantar suspensão, não quebrar nada (ai... lá se foram alguns milhares de anos em estalactites e estalagmites...) e não se enroscar indevidamente, por exemplo, em cabos, cordas e peças de algum naufrágio, ou mesmo nos cabeamentos fixos e temporários das cavernas.

O QUE PODE DAR ERRADO, E QUAL A SOLUÇÃO?

O alinhamento e ajuste dos cilindros tem a ver com CINCO variáveis que podem ser totalmente ajustadas e controladas pelo mergulhador.

As duas primeiras tem a ver com a posição dos D'rings dos ombros e dos D'rings na linha da cintura que você utiliza (ou não utiliza direito).

Os D'rings dos ombros normalmente ficam numa boa posição e interferem pouco se estão alinhados no início de suas axilas. Geralmente é neles que se prende o elástico, por um cabo de segurança ou através de um mosquetão pequeno.

Já os D'rings da cintura normalmente causam um pouco de confusão. Vamos entender porque devem existir TRÊS posições para eles:
  1. D'rings traseiros (nas costas mesmo, posição lombar) em alguns modelos, e buttplate em outros modelos. Estes pontos de fixação inferior na região dorsal do seu colete foram planejados para cilindros de aço (os mais comuns nas regiões de cavernas da Florida, onde os primeiros modelos e muitos atuais foram planejados). Quando você clipa um cilindro que é sempre negativo alí, normalmente eles ficam alinhados com o corpo durante todo o mergulho, independente da quantidade de gás / pressão destes cilindros. Se você usar um cilindro de alumínio da marca Catalina (mais negativo que um Luxfer) é normal começar o mergulho (cilindro cheio) também nesta posição.
  2. D'rings laterais. Normalmente devem ser alinhados bem com a lateral do seu corpo, e é a posição "numero 1" para cilindros de alumínio, deixando eles bem alinhados ao menos até 150/140 bar de pressão.
  3. D'rings frontais. Eles normalmente devem estar posicionados entre 4 e 5 dedos à frente dos laterais. Esta é a posição para clipar os cilindros a partir de 150/140 bar de pressão. Alguns modelos de colete vem sem eles, e você pode adquirir um de baixo perfil para posicionar aí. Alguns modelos vem com desnecessários 4 D'rings nos ombros. Taí um bom uso para dois deles, trocando de cima para baixo. Outros modelos vem com estes D'rings móveis, e a partir de 150 bar pode clipar neles e vir trabalhando a posição mais para baixo conforme os cilindros vão ficando com menos pressão / mais leves. Eu já usei dois O'rings bem grossos nesta posição e funcionam bem, com a vantagem de poder serem movidos para frente durante o mergulho, ajustando mais vezes os cilindros, como cavernas com teto bem baixo exigem.
As outras TRÊS variáveis têm a ver com como você monta o rig dos seus cilindros. Vamos a elas.

A primeira delas tem a ver com o elástico superior. Ele pode estar muito longo ou ser um elástico fraco, e a parte superior do cilindro vai ficar muito baixa, produzindo o seguinte alinhamento errado:


A segunda variável tem a ver com o tamanho do mosquetão e o tamanho do "cabinho" que prendem o cilindro aos D'rings da sua cintura. Se somados forem muito longos, o resultado será este:


Também pode acontecer as duas coisas, e o resultado é pior ainda, pois trocaremos uma montagem "side" para uma montagem "front", quando tanto o elástico superior é longo e/ou fraco, e o mosquetão mais cabo inferior também:


A terceira e última variável tem a ver com a altura que você vai montar a banda ou abraçadeira no cilindro. Podem acontecer duas coisas. Se estiver muito próxima da base do cilindro pode ficar muito à frente, com a torneira na frente do braço do mergulhador, provocando um trim com a cabeça muito baixa, assim:

Já se a banda / braçadeira for montada muito alta em relação a base do cilindro, pode ocorrer o contrário, o cilindro ficando muito baixo em relação ao corpo, resultando num trim com as pernas muito baixas, além de dificultar até mesmo pernadas de sapo:


Ou seja, devemos conseguir um equilíbrio em relação a todas estas CINCO variáveis (posição D'ring superior, posição D'rings da cintura, dimensões do elástico superior, tipo e posição do mosquetão inferior e altura das bandas). Veja na imagem abaixo, como vão ficar seus cilindros quando você resolver esta equação:


Bem mais bonito não? E além disso, num trim ótimo e hidrodinâmica perfeita !

Essas informações acima, só reforçam minha certeza: SIDEMOUNT NÃO É PRA PREGUIÇOSOS. Nem alunos, nem instrutores. É uma especialidade fascinante, do ponto de vista recreativo e técnico, mas que se tem que pensar muito, sempre, e principalmente, se observar. Vale o "pau de selfie" com uma GoPro espetada na ponta, e uma auto-análise bem crítica depois de ver e rever o filminho. Depois disso, mãos a obra e vai mexendo nos seus rigs e D'rings, até acertar.
Como eu gosto de dizer sempre: TREINE, TREINE, TREINE, TREINE MAIS UM POUCO, E DEPOIS... CONTINUE TREINANDO.

Sugestões e dúvidas, me contate pelo e-mail: reinaldo@acquanauta.com.br.

Bons mergulhos ! Você merece !

Comentários

  1. Perfeito Reinaldo. Concordo plenamente com vc!!! Tem muita gente ai mergulhando, inclusive instrutores de sidemount com cilindros praticamente cruzados...chamo ate de stage sidemount...kkk...Acredito no alinhamento perfeito no corpo, não importando o nível, seja no recreativo, tec ou cave. Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Marreti. Realmente tem um monte de stagemounts por aí. Desde que comecei a fazer alguns mergulhos descompressivos com side (minha última resistência quebrada), ando experimentando um pouco de side nos stages, quando uso dupla nas costas. Já trabalhei com um pequeno elástico no d'ring esquerdo do ombro, para trazer para perto as torneiras dos stages, e atualmente estou em fase de teses usar o rig do stage como o do side, com um mosquetão de segurança maior e preso com elástico na torneira, e o mosquetão de baixo bem alinhado com o cilindro, sem sobras. Quem diria, o side ensinando algo para back. Abraço !

      Excluir

Postar um comentário

Comente este artigo !